Doença de Alzheimer: é possível prevenir?

Doença de Alzheimer: é possível prevenir? 14 out 2021

Por : Gran Giardino

Doença de Alzheimer: é possível prevenir?

Entre inúmeras ocorrências médicas comuns na terceira idade, a doença de Alzheimer é uma das mais emblemáticas, pois ainda hoje tem suas causas desconhecidas e não há cura.

Em 2020, as revistas científicas The Lancet e Journal of Neurology, Neurosurgery & Psychiatry, divulgaram que hábitos como: consumo excessivo de álcool, sedentarismo, tabagismo e alimentação com falta de nutrientes, aumentam o risco de obesidade, diabetes e hipertensão, que influenciam no risco de desenvolvimento do Alzheimer.

Ainda, de acordo com o estudo publicado, há quatro principais fatores que contribuem para o surgimento desta demência neurodegenerativa:

✔ Idade: após os 65 anos, estima-se que a probabilidade de desenvolvimento de Alzheimer dobre a cada cinco anos;

✔ Histórico familiar: a genética é uma das principais influenciadoras no risco de desenvolvimento da doença;

✔ Traumatismo craniano: traumas repetidos ou perda de consciência podem provocar tal adoecimento;

✔ Saúde do coração: o risco de demência aumenta com problemas cardíacos, como hipertensão, colesterol alto e diabetes.

Apesar de não ser possível “escapar” da doença, há algumas ações preventivas que retardam o seu surgimento, fazendo com que os sinais que apareceriam aos 70 anos, por exemplo, surjam apenas aos 80, gerando um ganho de qualidade de vida de, ao menos, 10 anos.

Conheça quais são:

✔ Manter o nível adequado de açúcar no sangue, assim como o peso sob controle, para evitar diabetes;

✔ Obter o máximo de educação escolar possível desde a infância e manter-se cognitivamente ativo com leituras e novas aprendizagens ao longo da vida;

✔ Gerenciar o estresse;

✔ Atentar-se aos riscos de perda auditiva e adotar o uso de aparelho auditivo, se necessário;

✔ Praticar atividades físicas;

✔ Ter uma alimentação completa e rica em nutrientes, em especial a vitamina C;

✔ Ter sono de boa qualidade;

✔ Evitar ou controlar a depressão;

✔ Não beber ou fumar excessivamente.

Prevenir-se e buscar pelo diagnóstico precoce é essencial, assim como ser o apoio e suporte a conhecidos que vivem com o Alzheimer.

Fonte bibliográfica:

https://www.cnnbrasil.com.br/saude/conheca-21-maneiras-de-reduzir-o-risco-de-alzheimer/

 

Buscar no site

Newsletter

Envie o seu e-mail e receba sempre as novidades
do Gran Giardino Residencial Sênior.

    Gran Giardino Residencial Sênior - Gran Giardino Residencial Sênior

    Gran Giardino Residencial Sênior

    Nosso objetivo é promover longevidade, vitalidade e independência aos idosos, em um local amplo, aconchegante e seguro, com toda a infraestrutura necessária para a saúde e conforto de nossos hóspedes. Agende uma visita.

    Saiba Mais

    Fale Conosco